Carreiras nas áreas de tecnologia, saúde e gestão de pessoas entre as mais promissoras no pós-pandemia

Tendências do mercado apontam para o retorno de algumas profissões e a reinvenção de outras

Por F. Luce 02/01/2021 - 18:48 hs
Foto: Divulgação Unesc
Carreiras nas áreas de tecnologia, saúde e gestão de pessoas entre as mais promissoras no pós-pandemia
Divulgação

    

A pandemia de Covid-19 mudou profundamente as relações humanas, incluindo as de trabalho. Formatos diferentes para a prestação de serviços e novas necessidades surgiram, resultando em profissões em maior evidência ou mesmo retornando com novas características agregadas. Analisando os possíveis cenários do mundo pós-pandemia, especialistas em carreiras e Recursos Humanos já antecipam que tendências que dão conta que as profissões em áreas como tecnologia, saúde, finanças e gestão de pessoas estarão em alta no mercado de trabalho.

  

Entre as carreiras que devem ter alta demanda do mercado estão: diretor técnico da infraestrutura tecnológica da empresa; designer digital; gerente de Tecnologia da Informação (TI); gestor de mídias sociais; profissional de cibersegurança; psicólogo; médico psiquiatra; enfermeiro; médico infectologista; consultor financeiro, gestor de recursos humanos; analista de experiência do consumidor e profissional especializado em logística.

  

Segundo o coordenador adjunto do curso de Ciência da Computação da Unesc, Luciano Antunes, durante a pandemia, as empresas estão recorrendo à inovação e à transformação digital, por meio da Tecnologia de Informação, o que terá continuidade após esse período. “A tecnologia é fundamental para este novo mundo. Todas as empresas, pessoas e os diferentes setores da sociedade vão precisar do uso da tecnologia. Por isso os profissionais que atuarem na área vão ter possibilidade de emprego maior e quem se dedicar, vai poder escolher inclusive onde e como trabalhar”, afirma.

  

Segundo a psicóloga e professora dos cursos de Psicologia e Gestão em Recursos Humanos da Unesc, Rosimeri Vieira, muitas profissões na área de tecnologia que devem ter destaque nos próximos anos já vinham por este caminho e a pandemia acabou por acelerar o processo. Outras, como na área da saúde, tiveram na pandemia de Covid-19 um impulsionador de demanda.

  

Soft skills x hard skills

  

No Fórum Econômico Mundial 2020, realizado em janeiro, os especialistas elencaram 10 competências fundamentais para o futuro de um profissional. Rosimeri explica que as características estão muito ligadas aos aspectos socioemocionais, ou seja, mais ligadas às soft skills que as hard skill.

  

A professora da Unesc afirma que as soft skills competem a personalidade e ao comportamento do profissional. “Envolvem aptidões mentais, emocionais e sociais, sendo apontado como uma das competências essenciais dos cargos e funções no mundo cooperativo”, explica. Já as hard skills são as competências técnicas acrescentadas ao currículo, o que segundo Rosimeri, já não é mais o suficiente nem considerado vantagem competitiva para concorrer as vagas ou manter-se nas melhores posições hierárquicas.

  

As 10 competências apontadas pelo Fórum Econômico Mundial comentadas pela psicóloga e professora da Unesc, Rosimeri Vieira:

  

Resolução de problemas complexos

 De acordo com o relatório do Fórum Econômico Mundial, nos próximos quatro anos 36% das atividades em todos os setores da economia deverão exigir habilidade para solução de problemas complexos.

  

Pensamento crítico

 Pensamento estruturado, capacidade de comunicação clara, habilidade de fazer as perguntas certas, de reconhecer o problema atrás do problema e de olhar para uma questão sob diferentes perspectivas.


 Criatividade

 Profissionais criativos terão a oportunidade de se beneficiar de cenários de rápidas transformações em produtos, tecnologias e modos de trabalho. Lembre-se: os robôs ainda não conseguem ter ideias inusitadas e inteligentes ou desenvolver alternativas criativas para resolver problemas.

  

Gerenciamento de pessoas

 A capacidade de motivar, desenvolver pessoas e de identificar talentos é a parte da função de um gestor mais destacada pelo relatório do Fórum Econômico Mundial.

   

Coordenação com os outros

 A capacidade de coordenar as próprias ações de acordo com as ações de outras pessoas é das habilidades mais destacadas para o mercado de trabalho.

  

Inteligência emocional

 A gestão adequada das emoções é uma habilidade que pode fazer profissionais passarem pela crise com mais serenidade e sem perder a vontade de trabalhar para que tudo dê certo.

  

Discernimento e tomada de decisão

 Pessoas hábeis em analisar dados e ambiente e tomar decisões a partir disso já se destacam no mercado e tendem a ser ainda mais disputadas nos próximos anos.

  

Orientação para servir

 A inclinação para ajudar os outros é vista como uma habilidade indispensável ao trabalho em equipe.

  

Negociação

 Relacionar-se com pessoas é uma constante negocial. Por isso, habilidades de negociação e conciliação de diferenças são importantes para todos os profissionais.

  

Flexibilidade cognitiva

 É a capacidade do cérebro para adaptar sua conduta e opiniões a acontecimentos novos, variáveis e inesperado.

 

Invista em sua formação

  Aos interessados em se preparar para as oportunidades que o mercado oferece, a Unesc está com matrículas abertas para ingresso no primeiro semestre de 2021 em cursos de graduação nas modalidades presencial (www.unesc.net/matriculas2021) e a distância (www.unesc.net/ead).

 

 Para conhecer mais sobre as formas de ingresso ou outros detalhes da graduação, basta entrar em contato com a Universidade por meio do telefone (48) 3431-4500, pelo Whatsapp (48) 99915-0433 ou pelos sites citados anteriormente.